Artrite Curada com Homeopatia

Placeholder

07/08/2008: Ressonancia magnética do punho direito: Espessamento sinovial no compartimento médio carpico e menos intenso no radio caríco, carpo metacarpo e articulação radio ulnar distarl Edema intramedular subcortical na região proximal do piramidal. Erosão óssea articular/pericarticular na segunda articulação carpo metacárpica Areas de edema intra ósseo , fibro cartilagem preservada. Nervo mediano normal. Discreto espessamento dos tendões extensor radial curto do carpo, flexor radial e flexor longo do carpo e polegar respectivamente.
28/05/2009- FAN negativo

Reumatologista: (faz exames de 2/2 meses): Diagnóstico:  ARTRITE REUMATÓIDE SORO NEGATIVA OU ATÍPICA.
28/05/2009-Albumina, TGO, TGP, CREATININA, glicemia de jejum, HB=11,7, resto de hemograma normal, Fator reumatóide negativo (nunca deu positivo) , Urina normal (nunca alterou)
Ultra som e Rx de tórax há um ano: NEGATIVOS.
07/07/2009: Rx revelou redução das interlinhas articulares das articulações do carpo direito.

EXAMES REALIZADOS APÓS O TRATAMENTO HOMEOPÁTICO:

14/10/2010: FEZ exames no período de retorno de sintomas já melhorados fase onde a volta de desequiliíbrios parciais induz ao retorno de alguns sintomas já melhorados. O exame foi realizado no dia 14 e a repetição da dose da Staphysagria 1000 se dá todo dia 18 de cada mês.

HB=12,9 (melhorada)
Leucocitos 6500 Restante sem alterações, plaquetas inclusive.
VHS=45 mm/h (alterada, havia sido =49 mm/h em janeiro de 2008 , quando esteve também alterada a Proteína C reativa= 12 , diferente deste momento onde foi negativa)
FAN=NEG
PROTEINA C =NEG (melhorada)
TSH=NORMAL
URINA ROTINA=NORMAL

Devido ao desaparecimento total dos sintomas clínicos não só reumatológicos como gerais e emocionais, da melhora da Hb, da negativação da Proteína C Reativa, não se espera conseguir autorização para novo exame de Ressonância Magnética de forma a observar possíveis mudanças nas alterações inflamatórias e erosivas encontradas nos exames anteriores ao tratamento homeopático.

4 – Suspensão da medicação alopática:

A partir de 06/07/2009, 2 meses após a 1ª dose da Staphysagria 1000, já foi possível iniciar a suspensão gradual da medicação alopática da seguinte forma: suspensão do metotrexate 7 comp toda segunda, piroxam 1 à noite ,  prednisona 1 comp 5 mg pela manhã, mantendo Carbonato de Calcio com Vit D3 , ác fólico, passando à redução da forma a seguir:
Metotrexato :7 para 6 comp, 5,4,3,2,1 a cada semana.
Piroxam : 1 para 1/2, 1/4 e suspensão total a cada 2 dias.
Prednisona: 1 comp para 1/2/ 1/4 a cada 3 dias até suspensão total
Fala da paciente nas últimas consultas:
“Antes do Sarcoide, punho direito dava febre, inchava e doia e agora não mais incha ou dá febre e vermelhidão”. Leves e rápidas dores pela manhã nas articulações dos dedos das mãos e dor no radio do lado direito as vezes , fraca.

FICHA EVOLUTIVA DE JNS – No 9-MUITO INTENSO: 3 MÉDIO INTENSO: 2 POUCO INTENSO: 1

1a Consulta: 27/05/20091ª Dose única STAPH FC1000

 

REAÇÕES

1o dia

90 dia

150 dia

210dia

DATAS:

27/mai

22/ago

19/out

17/12

 

 

 

 

 

Dor nos punhos e mãos

1

0

2

0

Dor nos ombros

2

2

2

1

Dor na coluna

2

1

3

0

Inchação nos pulsos e articulações dos dedos

3

0

0

0

Dores na 3ª costela

3

3

0

0

Vermelhidão nas mãos

2

1

0

0

 

13

7

7

1

Rinite

0

0

0

0

Sinusite

0

0

0

0

Desanimo, falta de disposição e energia

0

0

0

0

Sensível a ser magoada

3

0

1

1

Sensível a perdas e separações (tia e lig. amor)

3

3

2

3

Mágoas e ressentimentos antigos

1

1

0

1

Ansiedade antes acontecer

3

2

2

1

Indigna-se por injustiças

3

1

1

1

Sofre por frustrações e contrariedades

2

1

1

1

Sofre com sofrimento dos outros

3

3

3

2

Irritabilidade e impaciência

3

1

1

1

Mortifica-se e culpa-se pelos erros

2

1

1

1

Raiva e mágoa contida

3

1

1

1

Medo de se descontrolar

1

1

1

1

 

40

23

21

15